Ecofibra Sustentabilidade na Construção civil

Publicado em 11/04/2011

Avalie este Artigo
4.5

São muitas as empresas que estão apostando na conscientização e nas atitudes verdes como solução para garantir que seus produtos ou serviços não agridam o meio ambiente. Em crescente expansão, o mercado da construção civil tem se destacado com produtos ecologicamente corretos, como é o caso da Ecofibra.

A Ecofibra pode ser produzida da fibra de diversos materiais, dentre os quais se destacam:

  • Aço reciclável: Produzida a partir de sobras de aço adquiridas de varias indústrias que utilizam o minério como matéria prima, o que antes era descartado, é agora reaproveitado e muito bem utilizado. Quando misturada ao concreto na produção de pisos industriais aumenta a resistência e a durabilidade do piso, absorvendo o impacto exercido e inibindo o aparecimento de fissuras ou rachaduras. 
  • Coco: A fibra de coco verde também tem um excelente potencial na construção civil por suas características de resistência e durabilidade podendo ser misturada ao concreto para agregar maior resistência na fabricação de telhas e revestimentos acústicos e térmicos.

Construtoras que passarem a adquirir a Ecofibra como material para suas obras evitarão que haja mais extração de minério de ferro na natureza. Além disso, os empreendimentos que optaram pela Ecofibra possuirão um forte argumento para conseguir que a edificação obtenha os selos verdes de sustentabilidade, como a Certificação Leed® (Leadership in Energy and Environmental Design®) fornecida pela Green Building Council Brasil e a Certificação AQUA (Alta Qualidade Ambiental) atestada pela Fundação Vanzolini.

Ambos os selos são mundialmente reconhecidos por atestar que a empresa está causando o mínimo de impacto no meio ambiente, e que em longo prazo o consumidor terá, por exemplo, menos gastos com a manutenção da construção, o que soma na hora de atrair compradores.

Em fim, o principal compromisso de quem utiliza a Ecofibra é oferecer soluções que possibilitem acoplar ações que agreguem valor ao produto e que de alguma forma também possam amenizar os problemas sociais e ambientais contribuindo para uma vida mais digna e saudável para todos.


Avalie este Artigo

Deixe seu comentário

Avalie este Artigo

Comentários

  • Seja o primeiro a comentar

© 2009 - 2017 Construindo e Reformando Todos os direitos reservados

Página gerada em 0.027 s!