Escolha o acabamento para sua obra de forma econômica, segura e eficaz

Escolher o acabamento ideal para a construção de um imóvel requer muita paciência, pesquisa e ajuda profissional. Por isso, confira nossas dicas.

Publicado em 01/03/2013

Avalie este Artigo
5

Escolher o acabamento ideal para uma construção requer muita paciência e pesquisa. Isso porque existem vários tipos de materiais específicos para esta finalidade e cada um deles possui características próprias que interferem na escolha.

Nesse sentido, será necessário prestar bastante atenção no modo como será feito o acabamento, qual o melhor estilo e como realizar o processo final para que tudo saia conforme o planejado.

Outro detalhe a ser considerado é a economia. Para evitar que o orçamento ultrapasse os limites estipulados, estudar diferentes preços no mercado é a melhor opção, assim como comparar valores e, se preciso, tentar descontos. Essa economia, no entanto, deve vir acompanhada de segurança, para que o barato não fique caro, no futuro. Por isso, vale a pena contratar um profissional especializado na área para comprar o produto certo e que seja, além de confiável, econômico e garantido pela marca responsável.

escada.jpg Crédito das imagens: AEC Web

Para economizar, outra possibilidade é adquirir materiais que não estejam mais em alta entre as tendências de decoração. Isso porque os produtos vistos como ‘ultrapassados’ apresentam preços muito mais acessíveis e contam com a garantia de reposição fácil, caso seja necessário, já que não estão sendo disputados por aqueles que querem garantir uma obra dentro dos padrões atuais de construção e decoração.

Uma estratégia para comprar materiais de acabamento nobres, com preços bastante baixos é procurar diretamente com os fornecedores, em promoções ou sobras, dispensando esquadrias da moda, que geralmente são mais caras, principalmente se forem compradas individualmente. 

escada 2.jpg Crédito das imagens: casa

Em relação às tintas, é válido conversar com um profissional antes de ir às compras. Assim, ele se encarrega de verificar a data de validade do produto, rendimento, cor e tipo mais adequado para o revestimento em questão. Evitar desperdício é a melhor forma de economizar.

Por fim, para deixar o orçamento ainda mais regulado, a procura por produtos de ponta de estoque é alternativa bem vantajosa. No entanto, ao adquirir esse tipo de material, é necessária uma cautela ainda maior em relação à quantidade disponível do mesmo lote, verificando se o produto não apresenta defeitos e se ainda continua em linha de produção ou catálogo.

Dessa forma, o revestimento de sua casa ou apartamento pode ser escolhido de forma econômica e segura.


Avalie este Artigo

Deixe seu comentário

Avalie este Artigo

Comentários

  • Seja o primeiro a comentar

© 2009 - 2019 Construindo e Reformando Todos os direitos reservados

Página gerada em 0.116 s!