Fissuras, rachaduras e trincas: quando chamar o engenheiro civil?

Rachaduras, fissuras, fendas e trincas: quando é a hora de fazer uma manutenção predial completa? Clique e confira no Construindo e Reformando!

Publicado em 20/08/2014

Avalie este Artigo
3

Toda construção comprida exige manutenção predial constante – mas isso não significa necessariamente que você precise chamar um engenheiro civil todas as vezes que for fazer uma vistoria na construção.

 

Com este artigo, o Construindo e Reformando quer ajudar você a entender o que são fissuras, rachaduras, trincas e fendas, para que você possa analisar a real gravidade de cada situação antes de chamar um profissional para ajudá-lo.

engenheiro civil 

Veja as definições:

 

Fissura – são aquelas aberturas finas, mas alongadas. Elas não significam falta de segurança ou comprometimento da estrutura quando superficiais, mas é ideal que você as observe para ver se não estão aprofundando ou crescendo;

 

Rachadura – esta abertura na estrutura do prédio é aquela que começa a causar interferências, como a entrada de água da chuva ou de vento. Devem ser analisadas a cada caso, pois há diversas resoluções diferentes para o problema;

 

Fenda – a dimensão do espaço é que define a fenda, que é caracterizada por um corte tão aberto e profundo que oferece perigo de acidentes. Podem ficar encubados em rachaduras e fissuras por bastante tempo, ocasionando graves desastres de forma quase instantânea;

 

Trinca – este é um dos itens mais delicados, pois podem representar grandes riscos para a segurança dos componentes estruturais, mesmo que seja fina e pequena. Ela acontece em partes fundamentais da construção, separando em duas ou mais partes aquilo que deveria ser uma coisa só.

 

Imagem: Sind Com Gru.


Avalie este Artigo

Deixe seu comentário

Avalie este Artigo

Comentários

  • Seja o primeiro a comentar

© 2009 - 2017 Construindo e Reformando Todos os direitos reservados

Página gerada em 0.147 s!