Para cada obra, um tipo de concreto. Conheça os principais

Um dos materiais mais utilizados em construções, o concreto possui variações em sua composição, que determinam onde e quando o produto será melhor aproveitado.

Publicado em 28/09/2012

Avalie este Artigo
4.2

Provavelmente um dos materiais mais utilizados em construções, o concreto possui variações em sua composição, que determinam onde e em quais situações o produto será melhor aproveitado.

Por isso, confira a seguir os principais tipos de concreto existentes no mercado da construção civil e saiba qual escolher para a sua obra.

Concreto convencional: material mais comumente utilizado durante as obras da construção civil, o concreto convencional pode ser aplicado em praticamente qualquer tipo de estrutura. A única cautela que o construtor deve tomar é em relação ao seu adensamento. Ele Pode ser transportado em fôrmas, carrinho de mão, géricas, gruas ou elevadores;

 concreto2.jpgFoto: Free Digital Photos

Microconcreto: compreende uma série de misturas de materiais classificados com esta mesma denominação. Entre eles encontram-se o concreto elaborado com agregados graúdos de pequena dimensão (também chamados de concreto de pedrisco) e argamassa;

Grout: uma variação de microconcreto composto por elementos como cimento, areia, quartzo, água e determinados aditivos especiais. O material se destaca no mercado por sua grande resistência mecânica, podendo ser aplicado no preenchimento de vazios e juntas de alvenaria estrutural;

Ciclópico: igualmente denominado pedra argamassada, o concreto ciclópico funciona como a incorporação de pedras chamadas “pedras de mão” ou ainda “matacão” ao concreto já pronto;

Concreto bombeável: é fabricado especificamente com o intuito de conter certa fluidez, já que será bombeado através de uma tubulação variável, que pode ter entre três e cinco polegadas e meia de diâmetro;

concreto.jpg Foto: Free Digital Photos

Concreto auto adensável (ou fluido): com excelente resistência e durabilidade, este material é obtido a partir da ação de aditivos super plastificantes, proporcionando maior possibilidade de bombeamento e boa homogeneidade. Por isso, esta matéria-prima é bastante utilizada em estruturas pré-moldadas, fachadas em concreto aparente, painéis arquitetônicos e lajes, por exemplo;

Concreto projetado: utilizado preferencialmente em revestimento de túneis, paredes, pilares e contenção de encostas, este concreto possui uma forma de uso específica. O mesmo é jogado em alta velocidade por equipamentos especializados em alta velocidade a determinada superfície, a fim de alta compactação e aderência ao local.

Quem pretende construir ou reformar pode consultar um profissional da construção civil, para então decidir qual será o tipo de concreto utilizado na obra, lembrando que a qualidade do produto depende ainda da marca responsável pela sua fabricação. Dessa forma, será possível fazer a aquisição certa e evitar problemas futuros com a obra em questão.


Avalie este Artigo

Deixe seu comentário

Avalie este Artigo

Comentários

  • Seja o primeiro a comentar

© 2009 - 2018 Construindo e Reformando Todos os direitos reservados

Página gerada em 0.054 s!