Sua Iluminação pode enriquecer um ambiente!

A iluminação de um imóvel é capaz de transformá-lo, criando diferentes efeitos, o que depende de como ela é aproveitada. Saiba mais no Construindo e Reformando.

Publicado em 17/08/2012

Avalie este Artigo
5

iluminação de um imóvel é capaz de transformá-lo em um ambiente mais agradável, romântico, descontraído ou sofisticado. O resultado depende da maneira como o recurso é utilizado para criar efeitos diferentes e esteticamente interessantes.

E embora pareça um simples detalhe, a iluminação, quando aplicada corretamente, é capaz até mesmo de influenciar no humor de quem reside no local em questão, proporcionando diferentes estilos e personalidades à casa ou apartamento.

Por isso, ao planejar a iluminação de cada cômodo, alguns detalhes devem ser considerados, garantindo bons resultados. Confira algumas dicas.

Para cômodos de convívio social

Por cômodos de convívio social entende-se salas de estar, de jantar e de TV. Nesses ambientes, o ideal é criar uma fonte principal e outros focos de luzes indiretas. Para tanto, uma luminária maior deve ser instalada no centro do teto e spots, arandelas e/ou abajures podem ser espalhados pelo cômodo, em cantos ou nas paredes onde haja quadros e espelhos.

iluminação2.jpgFoto: Guia da Casa

A luz amarela garante um efeito acolhedor, enquanto a luz branca, aliada a espelhos, cria uma sensação de espaço ampliado.

Para quartos


Estes cômodos também devem ser acolhedores e, principalmente, confortáveis. Por isso, assim como as salas, precisam de uma fonte direta principal aliada à iluminação indireta, o que proporciona maior relaxamento. Além disso, diferentes luminárias, como abajures e arandelas, são bem-vindas.

iluminação.jpgFoto: Guia da Casa

O foco principal deve ser em direção à cabeceira da cama, o que facilita momentos de leitura e descanso, por exemplo.

Para cozinhas

Nesta parte da casa, a iluminação natural deve ser mais valorizada durante o dia. O espaço exige, portanto, janelas maiores que garantem a entrada da luz. O cômodo exige ainda luzes mais forte que nos outros espaços, pois é preciso claridade para preparar refeições e lavar a louça, por exemplo. O ideal, portanto, é instalar lâmpadas fluorescentes e recorrer a pendentes sobre balcões e bancadas.

Para banheiros

Estes espaços também pedem luzes mais intensas, já que o local é utilizado para higiene e outros cuidados pessoais. Por isso, é essencial uma iluminação que facilite tais tarefas. A luz branca é a mais indicada e pode ser usada em uma fonte direta mais suave no teto e em dois focos em cada lado do espelho. Assim, o banheiro fica funcional, como deve ser, e mais bonito.


Avalie este Artigo

Deixe seu comentário

Avalie este Artigo

Comentários

  • Seja o primeiro a comentar

© 2009 - 2017 Construindo e Reformando Todos os direitos reservados

Página gerada em 0.028 s!