Telhas Brancas e a Sustentabilidade

Publicado em 30/03/2011

Avalie este Artigo
4.8

No mercado de construção civil a busca por ações que proporcionam desenvolvimento econômico, social e respeito ao meio ambiente tem um nome: construção sustentável ou verde. Além da inclusão de materiais recicláveis no projeto, há opções que visam economia de recursos.

Uma dessas soluções verdes que proporciona economia de energia é o uso de telhas brancas na construção, o que reduz em até 3°C de temperatura no interior dos imóveis. Devido a isso, diminui-se o uso de ar condicionado e ventilador em dias quentes.

Telhas Brancas - Sustentabilidade

 

As telhas brancas trazem esse benefício, pois refletem aproximadamente 90% do calor a que são expostas, enquanto as telhas de outras cores chegam a absorver 80% desse calor.

Ambientalistas defendem a idéia de que se 30 a 40% das casas tivessem seus telhados da cor branca, as cidades sofreriam menos com as ilhas de calor, pois a temperatura da terra poderia cair em 1ºC.

Apostando nessa afirmação como uma prática que possa ajudar a reduzir os efeitos do aquecimento global nos centros urbanos, a Green Building Council, um conselho aberto e voluntário de nível mundial que congrega lideranças de vários setores da indústria da construção, criou a campanha “One Degree Less – Um Grau a Menos”. Seu intuito é mobilizar a população e principalmente o poder público para criar uma lei que torne o uso das telhas brancas obrigatório.

No Brasil, cidades como São Paulo e Florianópolis aderiram à idéia e um projeto de lei estuda a possibilidade de implantar oficialmente o uso do telhado branco em casas e edifícios oferecendo até descontos no IPTU para quem aderir à causa.

Essa é uma boa dica para as construtoras e para quem está pensando em construir. Diversos produtos e empresas já estão à disposição no mercado incluindo em seus portfólios produtos e preços que variam de acordo com o material. Além de ajudar na questão da sustentabilidade, o efeito estético é agradável, suave e elegante.


Avalie este Artigo

Deixe seu comentário

Avalie este Artigo

Comentários

  • Seja o primeiro a comentar

© 2009 - 2017 Construindo e Reformando Todos os direitos reservados

Página gerada em 0.028 s!